Receita de Bruscheta de tender e abacaxi

Receita de Bruscheta de tender e abacaxi

Ingredientes

1 tender
1 abacaxi
450g (3 potes) de cream cheese Philadelphia
3 colheres (sopa) de dill fresco picado
2 pães italiano (filão) fatiado
Azeite a gosto

Modo de preparo

Fatie o tender e o abacaxi em fatias finas.
Misture o Cream Cheese Philadelphia com o dill picado.
Monte as brusquetas colocando um fio de azeite sobre o pão, o Philadelphia com dill, uma ou duas fatias de Tender e meia fatia de abacaxi sobre ele.
Sirva fria ou leve ao forno para aquecer e dourar o pão levemente.
Rendimento: 20 porções
Tempo de preparo: 15 minutos

 

Fonte: Comida e Receitas - https://www.comidaereceitas.com.br

Escondidinho de Frango

Escondidinho de Frango

Ingredientes

2 peitos de frango
2 litros de caldo de frango
3 colheres (sopa) de óleo
2 cebolas picadas
2 dentes de alho amassados
2 tomates picados
1/2 kg de batatas cozidas e amassadas
Sal, pimenta do reino e noz-moscada a gosto
200g de queijo mussarela fatiado
Tabela de conversão de medidas

Modo de preparo
Limpe e cozinhe os peitos de frango no caldo até ficar bem macio.
Retire o frango (reserve o caldo) e pique em cubinhos.
À parte, aqueça o óleo e doure a cebola e o alho.
Acrescente o frango picado e mexa até dourar levemente.
Sem parar de mexer, junte o tomate, o sal e a pimenta até desmanchar (se for preciso, adicione um pouco do caldo do cozimento reservado).
Tempere as batatas amassadas com o sal e a noz-moscada e espalhe metade deste purê em um refratário previamente untado.
Cubra com frango e finalize com o purê restante.
Por último, espalhe as fatias de mussarela e leve ao forno preaquecido até dourar.
Sirva em seguida.
Rendimento: 10 porções

 

Fonte: Comida e Receitas - https://www.comidaereceitas.com.br/

Beringela ao Forno

Beringela ao Forno

Ingredientes

3 berinjelas médias
Sal a gosto
Molho de tomate
100g de mussarela
Tabela de conversão de medidas

Modo de preparo
Lave e pique em cubinhos ou em tiras as berinjelas.
Cozinhe-as com sal em pouca água, de forma que quando as berinjelas estiverem cozida a água esteja seca.
Arrume numa forma, camadas alternadas de berinjela cozida, molho de tomate e mussarela.
Leve ao forno por alguns minutos, até que derreta a mussarela.
Rendimento: 4 porções

Fonte: Comida e Receitas - https://www.comidaereceitas.com.br/

Salada Tropical com molho

Salada Tropical com molho

Ingredientes:
Alface
Rúcula
Agrião
Morangos
Uvas sem caroço
Manga (sem fiapo)
Tomate cereja

Molho:
200 ml de iogurte natural
1 lata de creme de leite
2 colher (sopa) do sumo de limão
2 colheres (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de cebola ralada (ou picada)
1 colher (chá) de sal
Hortelã picadinha (opcional)
Tabela de conversão de medidas

Modo de preparo:
Higienize muito bem todas as verduras e frutas.
Separe as folhas das verduras e pique as frutas.
Disponha em uma saladeira nessa ordem: alface, rúcula, agrião, tomate, uva, morango e manga.
Molho

Misture todos os ingredientes e sirva à parte.

Peru Recheado

Peru Recheado

Ingredientes:
1 peru de 5 a 6 kg

Recheio:
4 xícaras (chá) de cubinhos de pão tostados
1 xícara (chá) de laranja picada
2 maçãs pequenas, sem sementes e picadas (1 xícara)
1/2 xícara (chá) de uvas passas brancas, sem sementes
1/2 xícara (chá) de castanha do pará picadas
1 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de molho inglês
Algumas gotas de molho de pimenta
Pimenta do reino e sal a gosto
1 xícara (chá) de manteiga para pincelar
Tabela de conversão de medidas

Modo de preparo:
Limpe, lave e enxague bem o peru.

Recheio:
Misture todos os ingredientes do recheio.
Cubra bem e deixe descansar por 1 hora.
Misture novamente os ingredientes e encha o papo do peru sem apertar demais.
Prenda o papo do peru com palitos.
Coloque o restante do recheio na cavidade do peru, também sem apertar.
Costure ou prenda com palitos.
Prenda também as asas e esfregue com sal e pimenta do reino a gosto.
Preaqueça o forno em temperatura alta (200C).
Ponha o peru numa assadeira e pincele-o inteiramente com 1/4 de xícara (chá) de manteiga derretida.
Cubra todo o peru com papel alumínio e leve ao forno aquecido.
O tempo de assar deve ser calculado em 40 a 50 minutos por quilo de peru.
Durante a última hora de cozimento, retire o papel de alumínio e pincele o peru várias vezes com manteiga derretida.
Retire o peru do forno e decore ao seu gosto.

Rendimento: 20 porções

Suco de fruta natural - benefícios x emagrecimento

Suco de fruta natural - benefícios x emagrecimento

A hidratação a base de sucos frescos de frutas e hortaliças oferece ao nosso corpo grande parte das vitaminas, sais minerais, aminoácidos e enzimas necessárias. Além disso, os líquidos sempre são bem-vindos ao nosso organismo.

O suco ajuda nosso corpo a assimilar os valiosos nutrientes encontrados nos alimentos. Encontradas nos vegetais, frutas e hortaliças, estão as enzimas: catalisadores orgânicos que aumentam a taxa de absorção dos alimentos pelo corpo. Entretanto, essas enzimas são destruídas com o cozimento dos alimentos. É por isso que uma parte da sua dieta deve ser constituída de produtos frescos e crus. A digestão rápida e fácil desses alimentos, possibilitada pelas enzimas, vai lhe dar mais energia e saúde.

Fruta, verdura ou legume, independentemente da receita da bebida, a água é presença constante. O líquido é essencial para manter as funções vitais do organismo, pois participa de todos os processos metabólicos.
Ao introduzir sucos naturais em sua dieta diária, você perceberá melhoras em sua saúde. Entre os benefícios, o suco de fruta:

Melhora o desempenho físico e cardiovascular.
Diminui a pressão arterial.
Proporciona um sono com mais qualidade, mais energia e menos estresse.
Controla a temperatura corporal.
Transporta as fibras que estimulam o trabalho do intestino.
Auxilia no funcionamento dos rins e favorece a digestão.
Favorece uma pele mais bonita e viçosa, pois os líquidos ajudam a varrer as toxinas que se acumulam no organismo.
Melhora o sistema imunológico.
O suco de laranja, aumenta a quantidade de substâncias benéficas diversas no organismo, fazendo com que ajude na proteção de doenças vasculares.
O suco de abacaxi é uma rica fonte de sais minerais, potássio, fósforo, magnésio, sódio, enxofre, ferro e cálcio. Além de ser rico em vitaminas A, do complexo B, e C. Para completar, ele ajuda muito sua digestão.
O suco de limão é um ótimo facilitador de liberação das toxinas do organismo. Seu alto teor cítrico faz com que ele tenha uma função de “detergente” em nosso estômago.
O suco de maçã é famoso no mundo feminino, pois ele possui um poder de rejuvenescimento, além de ser fonte de pectina, ajudando a remover as toxinas do organismo.

Sempre opte pelo natural, feito da própria fruta. Em seguida o em polpa (que nada mais é do que o conteúdo da fruta, embalado e congelado). Os sucos concentrados também podem ser consumidos de vez em quando, principalmente naqueles dias de correria, em que realmente você não tem tempo para preparar o suco de fruta.

Verifique os ingredientes nas embalagens: existem marcas que possuem uma quantidade de aditivos bem menor do que outras.É importante que os sucos sejam tomados imediatamente após o seu preparo para não haja perda de nutrientes e vitaminas.Apesar dos sucos de frutas conter vitaminas, sais minerais e enzimas, deve-se ter cautela na quantidade, tomar no máximo um copo por dia.

Sucos de Fruta e o Emagrecimento

Deve-se ter cuidado com o açúcar naturalmente contido nas frutas, a frutose. A frutose é rapidamente metabolizada na forma de gordura, bem mais rápido e direto do que glicose, muitas vezes promovendo o armazenamento de gordura, particularmente na região abdominal.

Tomar sucos de frutas pela manhã, tido por muitos como um hábito saudável, pode aumentar os riscos de diabetes do tipo II, devido à maior quantidade de açúcar. Afinal de contas, o suco normalmente contém muito mais frutas do que se consumíssemos essas frutas em estado bruto (é muito fácil, por exemplo, um suco conter 6 laranjas; e muito difícil comer essas mesmas 6 laranjas em estado natural)

Além disso, ao fazermos um suco, separamos a fruta (fibras) de seus fluidos. Isso faz com que esse açúcar seja absorvido muito mais rapidamente, aumentando os níveis de açúcar e insulina no sangue. Então para pessoas diabéticas ou acima do peso, evite consumir sucos de fruta diariamente.

Então, sucos — apesar de serem uma opção muitas vezes saudável — devem ser considerados com muita cautela principalmente para quem quer queimar gordura ou diabéticos.

E você, costuma consumir sucos de fruta?

 

(Fonte: www.belezaesaude.com)

9 benefícios da caminhada para o corpo e a mente

9 benefícios da caminhada para o corpo e a mente

Com a chegada do horário de verão fica mais fácil praticar atividades ao ar livre. Um dos exercícios mais simples é a caminhada, sem custos e sem restrições de idade.

Para estimular a adoção de hábitos saudáveis, listamos nove benefícios da caminhada que irão melhorar sua qualidade de vida. Acompanhe:

1. Melhora a circulação

Caminhar aproximadamente 40 minutos é capaz de reduzir a presão arterial durante 24 horas após o término do exercício. Isso acontece porque, durante a prática do exercício, o fluxo de sangue aumenta, levando os vasos sanguíneos a se expandirem, diminuindo a pressão.

A caminhada também faz com que a as válvulas do coração trabalhem mais, melhorando a circulação de hemoglobina e a oxigenação do corpo. Além disso, faz as artérias, veias e vasos capilares se dilatarem, tornando o transporte de oxigênio mais eficiente às partes periféricas do organismo, como braços e pernas. 

2. Pulmão mais eficiente

O pulmão também é bastante beneficiado pela caminhada. As trocas gasosas que ocorrem nesse órgão passam a ser mais poderosas quando a prática é frequente. Isso faz com que uma quantidade maior de impurezas saia do pulmão, deixando-o mais livre de catarros e poeiras. O exercício pode ajudar também a dilatar os brônquios e prevenir algumas inflamações nas vias aéreas, como bronquite.

3. Previne a osteoporose

O impacto dos pés com o chão tem efeito benéfico aos ossos. A compressão dos ossos da perna e a movimentação de todo o esqueleto durante a caminhada provocam estímulos elétricos, que facilitam a absorção de cálcio. O resultado: ossos mais resistentes e menos propensos a sofrerem com a osteoporose.

4. Afasta a depressão e aumenta o bem-estar

Durante a caminhada, nosso corpo libera uma quantidade maior de endorfina, hormônio responsável pela sensação de alegria e relaxamento. Quanto mais você caminha, mais endorfina seu organismo produz, gerando mais ânimo.

Especialmente quando realizada ao ar livre, a atividade pode melhorar significativamente a saúde mental, trazendo benefícios para o humor e a autoestima, independente da duração diária da prática.

5. Cérebro mais saudável

O mesmo efeito antienvelhecimento que a caminhada provoca para o corpo, pode ser visto também no cérebro, que aumenta seus circuitos e reduz os riscos de problemas de memória e falta de atenção.

Os estímulos aumentam a coordenação e fazem com que o cérebro seja capaz de responder a cada vez mais estímulos, sejam eles visuais, táteis, sonoros ou olfativos. 

6. Menos sonolência

A caminhada faz com que o corpo tenha um pico na produção de substâncias estimulantes, como a adrenalina, deixando-o mais disposto também depois dos exercícios. Somado a isso, ainda melhora a qualidade do sono noturno e reduz as chances de insônia.

7. Emagrecimento

Um dos benefícios mais famosos da caminhada, o emagrecimento é decorrente especialmente da queima de gorduras localizadas.

8. Protege contra derrames e infartos

Por ajudar a controlar a pressão sanguínea, caminhar é um fator de proteção contra infartos e derrames. A atividade também regula os níveis de colesterol no corpo, agindo tanto na diminuição da produção de gorduras ruins ao organismo – que têm mais facilidade de se acumular nas paredes dos vasos sanguíneos, causando derrames e infartos –, como no aumento da produção de HDL, mais conhecido como colesterol bom. 

9. Diabetes

A insulina, substância responsável pela absorção de glicose pelas células do corpo, é produzida em maior quantidade durante a prática da caminhada devido à maior circulação de sangue em todos os órgãos e ao estímulo das atividades do pâncreas e do fígado. Além disso, o treinamento aeróbico intenso produzido pela caminhada é capaz de reverter a resistência à insulina, fator importante para o desenvolvimento de diabetes.

(Fonte: www.doutorcoracao.com.br)

A importância de beber água no verão

A importância de beber água no verão

Praia, sol, mar e piscina. O verão é uma estação deliciosa e cheia de diversão. Mas, mesmo durante as férias, não podemos deixar de cuidar da saúde. Por isso sempre enfatizamos a importância de beber água durante os dias quentes. Mas, você sabe exatamente por quê?

A água é fundamental para o bom funcionamento do nosso organismo, afinal, ela representa de 40% a 80% do peso total de todo ser humano. Por isso, é comum ouvir que devemos consumir cerca de 2 litros de água todos os dias, para repor a perda natural de líquidos através do suor, saliva, urina e fezes.

Durante o verão, por conta das altas temperaturas, perdemos maiores quantidades destes líquidos, pois suamos e salivamos ainda mais. Se praticarmos alguma atividade física então, essa desidratação é ainda maior. Por isso devemos estar sempre atentos, ingerir água regularmente e manter a hidratação contínua do nosso corpo nos dias mais quentes.

Segundo os nutricionistas, durante 24 horas perdemos cerca de 2 litros de água, pois nosso organismo não possui condições de armazenar líquidos. Por isso é fundamental consumir os 2 litros de água ou mais indicados pelos médicos, para repor nossa necessidade diária e manter nosso corpo bem hidratado.

Mas, não se engane, o consumo de sucos, refrigerantes e bebidas alcoólicas não devem entrar nesta conta, pois os açúcares e o álcool presentes nestas bebidas ajudam o organismo a consumir mais líquido e mais nutrientes.

Além de consumir bastante água, o verão também exige uma alimentação mais saudável. Ao comer frutas, legumes e vegetais, nosso organismo consegue adquirir 18% do consumo diário de líquidos, além de nutrientes, vitaminas e proteínas fundamentais para a saúde.

Então não se esqueça, sempre carregue uma garrafinha de água com você e procure beber alguns goles a cada 10 minutos. Se você tem dificuldades de lembrar de beber água, pode recorrer a alguns aplicativos para smartphone que te ajudam a cronometrar o tempo e até a quantidade de água que você já bebeu durante o dia, além de te enviar lembretes constantes para beber água de acordo com a sua programação. É uma mão na roda para os esquecidinhos.

(Fonte: http://simplifica.efacil.com.br/)

Arroz Doce

Arroz Doce

Ingredientes:
1 xícara (chá) de arroz
Casca de ½ limão siciliano
4 xícaras (chá) de leite
½ xícara (chá) de açúcar
Canela em pó para polvilhar

Preparo:
Em uma panela com 2 xícaras de água, cozinhe o arroz com a casca de limão por 10 minutos ou até que ele absorva quase toda a água. Junte o leite, o açúcar e aumente o fogo até ferver. Abaixe o fogo e cozinhe por 25 minutos ou até o arroz ficar macio, mas al dente e absorver quase todo o líquido. Retire do fogo, cubra e deixe em temperatura ambiente por 30 minutos. Se desejar, acrescente um pouco de leite na hora de servir para ficar mais cremoso. Sirva morno ou gelado polvilhado com canela.

Risoto de Palmito com Tomate Seco

Risoto de Palmito com Tomate Seco

Ingredientes:
1 Colher (sopa) de Manteiga
2 Dentes de Alho (picado)
1 Xícara (chá) de Arroz Arbório
1 Xícara (chá) de Vinho Branco (seco)
50g Tomate Seco
100g Palmito Picado
3 Colheres (sopa) de Queijo Parmesão
1 Caldo de Legumes
2½ Xícaras (chá) de Água
Salsinha a gosto 

Preparo:
Comece preparando o caldo de legumes, dissolvendo ele em 2 xícaras e ½ de água quente e reserve.
Em uma panela derreta a manteiga (ou margarina) frite rapidamente o alho até começar a dourar, adicione o arroz e refogue.
Junte o vinho branco e deixe reduzir para evaporar o álcool misturando bem.
Assim que o vinho estiver evaporado, comece a adicionar o caldo de legumes, 1 concha por vez e sem parar de misturar, para o que arroz solte o amido e fique cremoso. Ao chegar na metade do caldo, junte o tomate seco picado, palmito picado, misture bem e continue adicionando o caldo até que o arroz esteja macio. Quando o arroz ficar no ponto, junte o queijo parmesão, acerte o sal e tempere com pimenta do reino e salsinha, misture bem e sirva ainda quente.

.

Espaguete Alho e Óleo

Espaguete Alho e Óleo

Ingredientes:
500 g de massa espaguete
6 colheres (sopa) de azeite
5 dentes de alho
4 colheres (sopa) de salsinha picada
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto 

Preparo:
Em um caldeirão, aqueça bastante água temperada com sal e leve ao fogo até ferver. Quando estiver
borbulhando, coloque a massa, misture bem e cozinhe até ficar al dente. Enquanto isto, descasque os alhos e com uma faca pequena e afiada, corte lâminas bem finas de alho. Quando a massa estiver quase pronta, aqueça o azeite em uma frigideira e refogue o alho até murchar. Escorra a massa e jogue na frigideira. Misture bem, tempere com sal e pimenta e salsinha. Sirva em seguida com queijo parmesão ralado, se desejar.

Pudim de Sorvete

Pudim de Sorvete

Ingredientes:
1 Lata de Leite Condensado
2 Colheres de Maisena
500ml de Leite
4 ovos
1 Lata de Creme de Leite.
Calda:
3 Colheres (sopa) de chocolate em pó
100ml de leite 

Preparo:
Bata no liquidificador o leite condensado, a maisena, o leite e as gemas.
Depois coloque em uma panela e leve ao fogo até formar um creme, mexendo sempre, deixe esfriar.
Bata 4 claras em neve, misture o creme de leite com as claras, depois misture com o creme (feito no fogo) e bata na batedeira por 5 minutos.
Calda: 
Misture o chocolate com o leite e leve ao fogo mexendo sempre até formar uma calda.
Montagem: Espalhe em uma forma de pudim primeiro a calda, depois o creme e leve ao congelador/freezer.

Bolinho de Chuva

Bolinho de Chuva

Ingredientes:
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
½ xícara (chá) de açúcar refinado
1 pitada de sal
1 colher (chá) de fermento em pó
½ xícara (chá) de leite integral
2 colheres (sopa) de manteiga derretida
1 ovo médio
2 xícaras (chá) de óleo de soja para fritar
2 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro 

Preparo:
Peneire em uma tigela a farinha de trigo com o açúcar, o sal e o fermento em pó. Faça uma cavidade no centro. Junte o leite misturado com a manteiga e o ovo. Misture com uma colher por 3 minutos ou até a massa ficar lisa e homogênea.
Coloque o óleo em uma panela, leve ao fogo e deixe aquecer por 5 minutos ou até aquecer (não deixe ficar muito quente para a massa ficar cozida por dentro). Aos poucos disponha colheradas da massa formando os bolinhos. Assim que forem dourando retire com uma escumadeira e disponha os bolinhos sobre toalha de papel.
Polvilhe com o açúcar de confeiteiro. Sirva com chá preto e rodelas de limão.

Bolo Cremoso de Milho

Bolo Cremoso de Milho

Ingredientes:
¾ xícara de farrinha de Trigo
03 Colheres de Sopa de Manteiga
04 Ovos
01 e ½ xícaras de Açúcar
02 latas de Milho Verde, escorrido e lavado em água corrente
400 ml de Leite de Coco 

Preparo:
Misture bem todos os ingredientes no liquidificador até obter uma massa homogênea.
Coloque em uma forma untada e enfarinhada.
Leve ao forno pré-aquecido por 10 minutos.
Deixe assar a 200° durante 1 hora.

Gelatina Mosaíco

Gelatina Mosaíco

Ingredientes:
4 pacotes de gelatina de cores e sabores diferentes
1/2 envelope de gelatina em pó sem sabor
1 lata de leite condensado
1 medida (da lata de leite condensado) de leite 

Preparo:
Prepare as gelatinas coloridas separadamente, diluindo cada uma delas em meia xícara (chá) de água fervente e meia xícara (chá) de água fria.
Coloque em recipientes refratários retangulares ou quadrados. Deixe esfriar e leve á geladeira, até que fiquem bem consistentes. Retire da geladeira e corte em cubos.
Junte cinco colheres (sopa) de água fria à gelatina sem sabor e leve ao fogo em banho-maria até dissolver.
Bata no liquidificador o leite condensado com o leite e a gelatina sem sabor dissolvida até ficar homogênea.
Despeje os cubos reservados de gelatina em taças e sobre eles a mistura de leite condensado e leve à geladeira até ficar consistente.

O que se deve comer antes e depois de fazer exercícios

A alimentação antes do treino é a mais importante. Segundo especialista, ela deve ser ajustada para o tipo de atividade

Quando ciclistas colombianos viajaram à França para competir pela primeira vez no famoso Tour de France, em 1984, levaram consigo um suplemento energético que nunca tinha sido visto naquelas estradas: a rapadura.

Esse alimento chamou tanta atenção que os colegas de outras equipes – e outras nacionalidades –, vendo os colombianos escalarem as montanhas "como se estivessem descendo", começaram a pedir um pedaço dos "tijolos" que eles comiam.

A utilização do açúcar como um aliado dos ciclistas é apenas uma anedota, mas revela uma verdade bem conhecida: alimentação é essencial para os atletas, especialmente porque é a fonte de energia para a competição.

Por isso, é importante saber qual é a melhor maneira de se alimentar na hora de fazer um exercício.

Quindim

Quindim

Ingredientes:
1 xícara (chá) de açúcar refinado
8 gemas médias peneiradas
½ xícara (chá) de coco ralado desidratado (com adição de açúcar)
2 colheres (sopa) de manteiga sem sal
Para decorar: hortelã

Preparo:
Misture em uma panela o açúcar (reserve 2 colheres das de sopa) com ½ xícara (chá) de água. Leve ao fogo e cozinhe, sem mexer, por 10 minutos ou até fazer uma calda em ponto de fio ralo. Retire do fogo e misture delicadamente 1 colher (sopa) de manteiga. Não mexa muito para não açucarar a calda. Deixe esfriar por 5 minutos.
Bata por 5 minutos as gemas no liquidificador. Despeje em uma tigela e misture o coco e a calda. Despeje em uma assadeira com furo no meio (capacidade para 1 litro) untada com a manteiga restante e polvilhe com o açúcar reservado. Leve ao forno preaquecido, em temperatura média (180ºC), em banho-maria, por 1 hora ou até que enfiando um palito no quindim ele saia limpo. Retire do forno e desenforme depois de frio. Decore com hortelã.

Arroz Integral

Arroz Integral

O arroz integral é rico em fibras, proteínas, minerais e vitaminas do complexo B e, como dele só é retirada a casca, os nutrientes concentrados na sua película e gérmen conferem mais vantagens à saúde do que o arroz processado, que mantém apenas o endosperma do grão, rico em amido.

Isento de glúten e de fácil digestão, este alimento mantém a saciedade do indivíduo por mais tempo e auxilia no bom funcionamento intestinal, podendo ser preparado de diversas formas, tal como o arroz processado.

Suas principais vantagens incluem: redução do risco de disfunções intestinais, auxílio no metabolismo de glicose nos diabéticos, proteção do sistema nervoso, auxílio nas contrações musculares, dentre outros benefícios.

Há três tipos de arroz integral: o cateto, o agulha e o vermelho, que se diferem principalmente quanto à cor e forma, já que as propriedades nutricionais são bem semelhantes.